sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Coraçao-sangrento (Dicentra spectabilis)


Foto: brilliantbotany.tumblr.com

Originária do Leste da Ásia, da Sibéria e do sul do Japão deve o seu nome, coração-sangrento, à aparência das suas flores, as quais se assemelham a um coração com uma gota de sangue.


Foto: Wikipedia_Darkone


É uma planta herbácea rizomatosa, perene, muito bonita e de flores surpreendentes.


Foto: Wikipedia_Schnobby


As suas folhas são verdes, compostas e com longos pecíolos. As delicadas flores são pêndulares, em formato de coração, hermafroditas, dispostas lado a lado de 3 a 15 flores individuais.




Deve ser cultivada a meia-sombra, em solo fértil e bem drenado.


Foto.Wikipedia_Wuzur


Adapta-se bem em locais com clima ameno, podendo ser cultivada em regiões de clima temperado.



Em climas quentes apresenta folhas perenes e sob clima temperado é caducifolia, perdendo a folhagem no inverno, mas rebrotando na primavera.




A floração ocorre na primavera e verão. Existem vários cultivares incluindo a 'Alba', com flores brancas.




É uma linda planta ornamental podendo ser cultivada em maciços, junto a muros ou apenas isolada, em canteiros. Também pode ser plantada em vasos e floreiras.





Multiplica-se por sementes e divisão da planta. Após a floração, as plantas devem ser podadas para rejuvenescer a folhagem.




Deve-se mantida longe do alcance de crianças pequenas e animais domésticos pois é tóxica, além disso pode causar irritações na pele durante podas ou divisões.



Fontes e Fotos: Wikipedia; http://www.jardineiro.net/; http://www.allvaso.com.br/; http://davesgarden.com/; http://www.thegracefulgardener.com/; outros




"Nós podemos conceber o que a humanidade seria se não conhecesse as flores?" (Maurice Maeterlinck)
 
 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Topo