sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Açafrão-da-conchinchina




O açafrão-da-conchinchina presenteia-nos com uma flôr linda e sofisticada.


Foto: flores.culturamix.com


Da família Zingiberaceae é também conhecida por Tulipa-do~sião. O seu nome cientifico é Curcuma alismatifolia. É originária do continente asiático.


Foto: www.mundodeflores.com


É uma planta herbácea, perene, alcançando cerca de 40 a 60 cm de altura. Tem folhas grandes e flores solitárias em forma de espiga.


Foto: wikipedia_Tangopaso


Solo: Deve ser fértil, drenável e enriquecido com matéria orgânica.

Regas: Regulares.

Luz e Temperatura: Devem ser cultivadas sob sol pleno ou meia-sombra. Aprecia clima ameno e não tolera geadas.


Foto: www.mundodeflores.com


São plantas que dão um toque de beleza e encanto ao local onde se encontram.


Foto: porbital.deviantart.com


Fontes e Fotos: Wikipedia; http://www.mundodeflores.com/; http://www.loja.jardicentro.pt/; http://en.wikipedia.org/; http://www.floresnaweb.com/; http://www.mundodeflores.com/; http://flores.culturamix.com/; http://www.jardimdeflores.com.br/; http://www.jardineiro.net/; outros net.

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Clématis


Foto: http://www.compagniadelgiardinaggio.it/clematis

A Clemátis, é um género de plantas trepadeiras com flores maravilhosas e com um suave perfume natural.
 

Foto: thegardencentregroup.co.uk


É originária do hemisfério norte especifícamente da Europa, Ásia e America do Norte.


Foto: Wikipedia_H.zELL

A clematis silvestre originária da China surgiu nos jardins japoneses por volta do século XVII. As selecções de exóticas clematis, dos jardins japoneses foram as primeiras a chegar aos jardins europeus, no século XVIII, muito antes das espécies chineses que foram identificadas nos seus locais nativos só no final do século XIX.


Foto: thetreefarm.com

Foto: Wikipedia_selbst fotografiert von Michael Gasperl

Existe grande diversidade de espécies, são cerca de 290 espécies diferentes de Clematis, e mais de 500 variedades resultantes de hibridizações e melhoramento genético.



Foto: Wikipedia_UpstateNYer

Algumas espécies são arbustivas, enquanto outra são plantas herbáceas perenes.


Foto: www.degroot-inc.com.

As espécies temperadas frias são caducas, mas muitas das espécies de clima mais quente mantêm a folha o ano todo.


Foto: Wikipedia_H.zELL


Pode ser utilizada ao longo de muros cercas e vedações dando um lindo e encantador visual quando florescem.


Foto: www.cadysfallsnursery.com

Podem ser também plantadas para crescer através de outras plantas, nomeadamente arbustos e árvores.


Foto: http://www.compagniadelgiardinaggio.it/clematis


As suas flores variam muito em cor, forma e tamanho consoante a variedade.


Foto: thegardencentregroup.co.uk

Foto: perryhillnurseries.co.uk

Podem ser simples ou dobradas, abertas(planas) ou campanuladas, com pétalas estreitas ou muito largas, nas mais diversas cores,com estames longos, ou com um tufo no centro das flores.


Foto: Wikipedia_Shoefly

Os tons degrades dão-lhe um charme muito especial.


Foto: http://www.compagniadelgiardinaggio.it/


Foto: Wikipedia_JOLLY JANNER

É necessário que a planta seja fertilizada de forma anual para que continue a crescer de forma saudável.


Foto: www.libriscrowe.com

Deve ser cultivada sob sol pleno ou meia-sombra, em solo fértil, drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente, não suporta secas nem encharcamento do terreno.


Foto: www.gardenbuddies.com

Foto: www.thetreefarm.com

Não aceita bem as temperaturas em excesso, frio ou calor. Embora sendo uma planta do Hemisfério Norte adapta-se ao clima temperado.


Foto: Wikipedia_F.D.Richards

As suas flores possuem grandes concentrações de óleos essenciais, e este é um dos motivos pelo qual algumas espécies de Clematis são usadas na Aromaterapia.


Foto: www.compagniadelgiardinaggio.it


Fontes e Fotos: wikipedia; http://www.plantasonya.com.br/; http://www.jardineiro.net/; http://www.allvaso.com.br/; http://davesgarden.com/; http://www.thegracefulgardener.com/; http://www.mundodeflores.com/; http://flores.culturamix.com/; http://www.taylorsclematis.co.uk/; http://www.compagniadelgiardinaggio.it; www.thetreefarm.com ; www.gardenbuddies.com ; www.libriscrowe.com; perryhillnurseries.co.uk; Raymond Evison; www.degroot-inc.com.; fotocommunity.de; outros


Foto: fotocommunity.de

"Criar uma pequenina flor é um trabalho de eras." (William Blake)

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Jardim Luís de Camões - MACAU




O Jardim Luís de Camões localiza-se na Praça de Luís de Camões, foi criado em meados do século XVII sendo um dos jardins mais antigos de Macau.







Logo em frente da entrada ao centro da fonte, está a escultura o «Abraço», uma obra de Irene Vilar, concluída em 1996. Em redor desta escultura, e ao longo da escadaria existem painéis em calçada à portuguesa, alusivos aos cantos de «Os Lusíadas».







É um prazer passear no meio de toda a beleza, tranquilidade e encanto do jardim.








Existe uma cascata artificial e por cima dela está um miradouro.








Na parte mais em abaixo do jardim encontra-se a estátua de St. André Kim Taegon (1821-1846), o primeiro mártir coreano que estudou em Macau entre 1837 e 1842. Foi oferecida pela Conferência Episcopal da Coreia à Diocese de Macau, em 1986.





São vários os recantos para podermos descansar no meio da natureza






No ponto mais alto do jardim, fica o miradouro que foi construído em 1787, por Monsenhor Jean François de Galaup, Conde de la Perouse, um geógrafo e explorador francês. 




Dentro de uma gruta encontra-se o busto de bronze do poeta português Luís Vaz de Camões. Esta escultura de 1866, é da autoria do escultor Manuel Maria Bordalo Pinheiro. No pedestal estão gravadas as estâncias I, II e III do Canto I dos «Lusíadas» e na parte de trás a sua tradução em chinês.






No parque existem vários aparelhos para se poder praticar exercício físico.




Estava na hora de continuarmos o nosso passeio ...




Fotos: pessoais


Topo