terça-feira, 26 de setembro de 2017

Jardim Luís de Camões - MACAU




O Jardim Luís de Camões localiza-se na Praça de Luís de Camões, foi criado em meados do século XVII sendo um dos jardins mais antigos de Macau.







Logo em frente da entrada ao centro da fonte, está a escultura o «Abraço», uma obra de Irene Vilar, concluída em 1996. Em redor desta escultura, e ao longo da escadaria existem painéis em calçada à portuguesa, alusivos aos cantos de «Os Lusíadas».







É um prazer passear no meio de toda a beleza, tranquilidade e encanto do jardim.








Existe uma cascata artificial e por cima dela está um miradouro.








Na parte mais em abaixo do jardim encontra-se a estátua de St. André Kim Taegon (1821-1846), o primeiro mártir coreano que estudou em Macau entre 1837 e 1842. Foi oferecida pela Conferência Episcopal da Coreia à Diocese de Macau, em 1986.





São vários os recantos para podermos descansar no meio da natureza






No ponto mais alto do jardim, fica o miradouro que foi construído em 1787, por Monsenhor Jean François de Galaup, Conde de la Perouse, um geógrafo e explorador francês. 




Dentro de uma gruta encontra-se o busto de bronze do poeta português Luís Vaz de Camões. Esta escultura de 1866, é da autoria do escultor Manuel Maria Bordalo Pinheiro. No pedestal estão gravadas as estâncias I, II e III do Canto I dos «Lusíadas» e na parte de trás a sua tradução em chinês.






No parque existem vários aparelhos para se poder praticar exercício físico.




Estava na hora de continuarmos o nosso passeio ...




Fotos: pessoais


Sem comentários:

Enviar um comentário

Topo