quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Goivos

Goivos as flores da alegria.


Os Goivos são originários da Mediterrâneo, Ásia, África do Sul. São flores graciosas de cores alegres e raiadas.


O goivo é uma planta herbácea, vivaz, cultivada como anual, com caules erectos e um pouco tortos, de base lenhosa com cerca de 30-60 cm de altura. A folhagem é densa, sendo as folhas estreitas, lineares a lanceoladas e de cor verde acinzentado.


As flores surgem na primavera, são agrupadas em hastes terminais, podem ser simples ou dobradas e de diversas cores, desde o branco, rosa, vermelho até o violeta, com diversas tonalidades intermediárias.


O Goivo ou Goiveiro é uma planta muito aromática, libertando um agradável perfume, algumas variedades liberam seu aroma de maneira mais intensa à noite.


O seu fruto é do tipo síliqua e apenas os espécimes de flores simples os produzem, mas das sementes originam-se novas plantas.


Nomes Populares: Goivo, Goiveiros, Goiveiro-da-rocha, Goiveiro-encarnado, Goivo-encarnado, Mathiola–incana.
Pode ser utilizado em canteiros, bordaduras, pequenos maciços, vasos, floreiras, tem um crescimento rápido e são bastante resistente ao frio.

Sementeira : No local definitivo na Primavera ou no Outono. Pode ser semeado em estufa no Inverno, transplantando as planta na Primavera para o exterior. Germinação entre 7-14 dias a 18-21ºC.


Transplantação: Primavera. Espaçamento entre 15-20 cm. Plantar de preferência em lugares abrigados e soalheiros.


Luz: Sol ou meia-sombra.


Solos: solo fértil, bem drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente.


Rega: Regular. É capaz de tolerar curtos períodos de estiagem. São muito sensíveis ao excesso de água, logo não regar em demasia pois pode provocar podridão dos caules e raízes.


Adubação: Aplicar um pouco de adubo para plantas de flor a cada 3-4 semanas sem ser em excesso pois pode provocar o escurecimento das folhas. A falta de nutrientes no solo pode provocar amarelecimento e a queda das folhas inferiores.


Floração: Primavera/Verão. A remoção das inflorescências velhas estimulam um novo florescimento.


Poda: Cortar as flores velhas de Goivo para prolongar a floração.


Multiplicação : Semente


Significados: significa ‘modéstia’, também simboliza a simplicidade, formosura e elegância.
As longas inflorescências também podem ser colhidas para utilização em buquês e arranjos florais.


Fontes: “Mundodeflores”, “Wikipedia”,  “JardimdeFlores”,.”jardineiro.net”;“Jardicentro - Autor: André M. P. Vasconcelos”, outros net
Fotos: Net


"Nós podemos conceber o que a humanidade seria se não conhecesse as flores?" (Maurice Maeterlinck)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Topo